O valor do marketing para escolas

Aplicar o marketing para escolas é a melhor maneira de atrair alunos. Também é a fórmula ideal para reter aqueles que já estão matriculados e reforçar a autoridade da instituição de ensino no mercado.

É importante lembrar que o segmento da educação tem uma característica peculiar. Ao contrário de lojas, comércios e serviços esporádicos, nele temos convivência. Em outras palavras, podemos dizer que o fator confiança é muito mais importante que em outros nichos.

No texto de hoje, mostrarei tudo que o marketing para escolas pode proporcionar e como aplicá-lo em seu cotidiano.

O marketing para escolas existe há muito tempo. Mas, antigamente, todos os esforços eram focados em materiais tradicionais como Outdoors, banners, panfletos. Até mesmo comerciais de TV e rádio, mas esse panorama mudou e hoje o grande filão para escolas é a internet.

O mundo digital oferece um vasto leque de oportunidades para chamar a atenção e proporcionar experiências memoráveis para os estudantes.

Temos, então, um conceito simplificado sobre o tema.

O marketing para escola consiste na aplicação de ações planejadas para obtenção de melhores resultados em uma instituição de ensino. Quem é dono de um colégio, por exemplo, sabe que as indicações são uma excelente fonte de aquisição, mas a verdade é que não dá para depender somente do boca a boca. É preciso ir além.

As ações de marketing digital permitem um maior alcance, engajamento e consequente número de matrículas. Isso gera uma melhoria significativa nas finanças. Tanto que, segundo a pesquisa EduTrends, nada menos que 81,3% das IEs investem em pelo menos uma ação de marketing online.

Os efeitos são nítidos. Tais organizações recebem oito vezes mais visitas em seus sites do que aquelas que não aplicam estratégias digitais.

Com isso, tem-se o tão almejado lucro.

Para 82,4% dos respondentes, o retorno sobre o investimento (ROI) das ações é positivo. Isso acontece principalmente por conta dos laços que são estreitados por meio do marketing educacional.

E é claro que uma boa prestação de serviços, estrutura de qualidade e professores capazes são elementos essenciais. Mas isso não é suficiente.

É preciso mostrar às pessoas todas os seus diferenciais e estreitar os laços com seus alunos e o marketing digital para escolas surge como a solução para organizações estagnadas que desejam evoluir.

Particularidade do marketing para escolas

Para aplicar o marketing para escolas, precisamos entender que ele tem suas particularidades.

Primeiro por conta da importância da educação para as pessoas e como esse é um dos componentes mais valiosos em suas vidas, há muito mais pesquisa do que em outros setores.

Quando consideram a escolha de uma instituição de ensino, passam horas em frente ao computador checando as possibilidades e conferindo a opinião de terceiros. É muito diferente, por exemplo, de uma decisão de compra de um item em uma loja virtual. Mas há mais.

Ao assinar um contrato com uma escola, ela passa a fazer parte da vida do contratante. É uma relação duradoura. Diferente de quando uma pessoa vai ao dentista, contrata um pintor ou leva o carro ao mecânico, o serviço é prestado e finalizado em questão de horas ou dias. Em escolas, por outro lado, é sabido que o relacionamento se prolongará por um bom tempo.

Para aproximar-se dos alunos, o meio digital é a melhor solução. Afinal, atualmente as pessoas passam a maior parte do tempo online.

Gostaria de chamar a atenção para mais uma peculiaridade do marketing para escolas: o público.

Enquanto a maior parte das empresas tem bem definido qual é o foco em questão de audiência, no setor da educação isso pode complicar um pouquinho. Isso porque o tomador de decisões pode tanto ser o aluno quanto seus pais e responsáveis e  muitas vezes a escolha é feita por ambos, mas esse é um fator que dificulta um pouco as ações de marketing.

Por conta disso, muitas vezes as atividades são planejadas levando em conta dois diferentes públicos.

Muitos donos e administradores de escola têm uma visão distorcida sobre o marketing, isso porque confundem o conceito com o da mera e simples publicidade. Embora os termos se relacionem, não são a mesma coisa. Enquanto o primeiro implica em investimento financeiro para alcance de resultados, o segundo se relaciona a qualquer tática utilizada para objetivos de negócios.

Acredite em mim quando digo que isso traz muitos benefícios não apenas para o colégio, mas também para os alunos. Com a satisfação dos estudantes, a empresa também ganha, ou seja, é uma relação mutuamente benéfica e não são poucos os elementos que comprovam isso.

O marketing para escolas permite que você multiplique as taxas de matrícula e rematrícula, para começo de conversa, e com mais alunos, há mais verba para investimentos em outros setores, como estrutura, tecnologia e professores. Mas as vantagens não param por aí.

Os estudantes que já fazem parte do corpo de alunos também têm muito a ganhar com o marketing digital.

O engajamento nas redes sociais, por exemplo. Ao criar uma estratégia elaborada nesses pontos de encontro digitais, certamente haverá uma maior taxa de fidelização. Informes, brincadeiras, novidades, imagens e vídeos de eventos… tudo isso gera interações valiosas para a IEs como negócio.

Até mesmo ações mais simples podem trazer bons resultados, como o envio de materiais de apoio e datas de eventos por meio do e-mail ou a atualização de status pelo blog. Até mesmo os links patrocinados exercem uma função de captação.

Por último, gostaria de citar o papel do marketing na internet como elemento de branding.

Como eu disse, nesse setor em especial há muito apreço pela confiança e ao utilizar os canais digitais para trazer informações úteis para o consumidor, a escola gera uma imagem positiva.

 

 

 

Jason Dousseau
Consultor Educacional

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *