10 Dicas de marketing digital para escolas

O que é marketing digital?

Agora que você já sabe como captar mais alunos para sua escola, é chegada a hora de focar no marketing digital e conhecer as principais estratégias.

Como dito, boa parte delas são aplicadas em ações de inbound marketing, tática que alia uma série de recursos para atrair e fidelizar alunos.

Baseia-se, fundamentalmente, no funil de vendas.

Funil de vendas é um instrumento que o marketing usa para se aproximar do público-alvo e lapidar sua jornada de compra para converter mais leads e fechar mais negócios. Topo, meio e fundo de funil são os três principais estágios dessa jornada.

O funil de vendas não é só mais um conceito de marketing,  é o seu negócio operando na prática. Pense no funil como o caminho por onde passam todos os seus clientes, do primeiro contato à compra, eles atravessam várias etapas até estarem prontos para tomar sua decisão.

Você tem que estar presente em cada uma dessas fases, oferecendo o conteúdo necessário e preparando o terreno para a abordagem de vendas. É aí que entra o funil de vendas: o método que permite guiar o cliente pela jornada de compra.

Quando você tem o controle de cada etapa, é muito mais fácil gerenciar o fluxo comercial e multiplicar suas oportunidades porque você vai saber exatamente como resolver as dores desse cliente, o que oferecer em cada momento e quando avançar para fechar o negócio.

Não à toa, as duas grandes prioridades da área de vendas em 2018 foram fechar mais negócios (75%) e melhorar a eficiência do funil de vendas (50%), segundo a pesquisa global da HubSpot.

Os dois objetivos estão intimamente ligados, como vou mostrar adiante.

Agora mesmo, potenciais clientes estão entrando pelo topo e vários leads estão amadurecendo.

Será que seu funil de vendas vai levá-los com sucesso até a compra?

Se você não quer perder mais nenhuma oportunidade, siga a leitura e veja 10 dicas de marketing para sua escola.

 

1. Links patrocinados

Os links patrocinados são anúncios veiculados em plataformas da web.

O mais conhecido deles é o Google Ads, no qual os ads aparecem nos resultados do mecanismo de busca e em páginas de sites parceiros.

Algumas alternativas utilizadas são o Bing Ads, o Facebook Ads e o Twitter Ads.

 

2. Marketing de conteúdo

O marketing de conteúdo é a essência do inbound marketing.

Nele são criados materiais ricos para engajar e se aproximar dos usuários.

Alguns dos formatos mais comuns são blog posts, ebooks, vídeos, podcasts e infográficos.

 

3. Mídias sociais

As mídias sociais são as praças de encontro virtual, grande parte do público permanece nelas durante o dia. Por isso, se você deseja compartilhar um ambiente com a sua audiência, aposte nesses locais.

Facebook, Instagram, Twitter, YouTube e LinkedIn são alguns dos mais utilizados no segmento de educação.

 

4. Interações

As redes sociais, blog posts e outras mídias online são plataformas voltadas às interações e ações com foco nessa atividade geram proximidade com os usuários.

Os alunos certamente se sentirão mais a vontade ao engajar em seus locais de conversação favoritos.

 

5. Email marketing

O email marketing tem muito a oferecer para escolas, por ser um canal de comunicação pessoal, é utilizado para informações e conteúdos de maior relevância.

Ele também é importante pois tem maiores taxas de abertura.

 

 

6. Geolocalização

A geolocalização permite segmentar campanhas de anúncios, por exemplo.

Se você possui a loja DRM vale a pena anunciar para todo o Brasil mas se ministra apenas cursos presenciais e sua escola fica em São Paulo, não vale a pena anunciar para todo Brasil, tenha em mente o seu público alvo.

 

7. SEO

SEO é uma sigla para Searching Engine Optimization, que em português significa otimização para mecanismos de buscas.

Principalmente na hora de atrair novos estudantes para a sua escola, é uma ótima ideia utilizar tais táticas, elas servem como ímã para capturar meros visitantes para as páginas do seu site.

 

8. Banners em sites e blogs

Outra forma interessante de gerar vendas é utilizando sites de nicho. Encontre blogs que tratem temas de interesse do seu público e anuncie diretamente em suas páginas.

 

9. Materiais ricos

Materiais ricos fazem parte de uma estratégia de marketing de conteúdo, mas os mais aprofundados geralmente são utilizados para a retenção de clientes.

Tabelas de horários, valores de pagamento, horários de transporte público, fornecedores de serviços escolares e outros tipos de conteúdo podem ser de grande utilidade para o público.

 

10. Automação de marketing

Automatizar suas ações de marketing para escolas é possível pelas vias digitais. O envio de fluxos de nutrição, programação de postagens e outras ações não precisam ser realizadas manualmente.

Por isso, sempre que puder, coloque as tarefas no piloto automático e facilite a vida de seus profissionais de marketing.

 

 

 

Jason Dousseau
Consultor Educacional

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *